Paranatinga, 27 de Junho de 2022

Regional

Após perder carro que usava para trabalhar, casal faz vaquinha

Publicado 03/06/2022 14:11:58


Aquela quinta-feira, 19 de maio, parecia mais um dia normal de trabalho para Jhonatan Lopes e a esposa, Aline. Como de costume, eles tinham carregado o Fiat Strada e preparavam para sair de casa para fazer a decoração de uma festa.

 

A única anormalidade era o frio que fazia naquele dia. Quando já estavam para sair, o veículo não ligou e logo começou um incêndio que tomou grandes proporções.

 

Aline e Jonathan, que moram no Jardim das Palmeiras, em Cuiabá, e trabalham com decorações de festas, utilizavam o carro para o transporte dos materiais. 

 

Mais de duas semanas após o episódio, o casal continuou trabalhando, mesmo que no improviso. Para conseguir conquistar um novo veículo, eles lançaram uma vaquinha online para levantar fundos. 

 

O incêndio

 

O dia atípico daquela quinta foi marcado pelas baixas temperaturas, já que na Capital, os termômetros são acostumados a ficar acima dos 30ºC. 

 

Arquivo

 

Veículo foi rapidamente consumido pelo fogo

“A gente saiu para trabalhar, estava um climinha frio. Entramos no carro e eu fui tentar ligá-lo. Ele não estava querendo pegar. Comecei a estranhar, mas como estava frio achei que poderia ter sido isso”, diz Jonathan ao MidiaNews

 

Ele continuou tentando ligar o veículo. E foi na quarta tentativa que observou que saía fumaça do capô. "Quando levantei a tampa, já comecei a ver fogo todo espalhado. E vi um tecido preto que também estava tomado pelo fogo", lembra. 

 

Ele então correu para pegar seus pertences na traseira do veículo e a mulher também saiu do carro. Assustado com a situação, ele conta que conseguiu apenas pegar o celular e chamar o Corpo de Bombeiros. 

 

"Deu cerca de 5 minutos e o carro já estava todo tomado pelo fogo", lamenta.

 

Instrumento de trabalho

 

O casal presta serviços de decoração e já tem sua marca, a FlorCuiabana. O dinheiro serve como um complemento de renda de casa. 

 

Eles, que se relacionam há quatro anos, começaram a morar juntos há pouco tempo e compartilham dos gastos de casa. 

 

O carro teve perda total foi vendido para sucata.

 

Para continuar trabalhando, eles usam atualmente o carro da mãe do Jonathan, que é mais antigo e não tem a carroceria para transportar os materiais.

 

“Precisamos de um carro com a carroceria porque levamos muita mobília e não tem como fazer isso em um carro normal”, pontua.

 

A ideia para fazer a vaquinha online foi sugerida por amigos. Apesar de se considerarem “reservados”, eles acharam uma boa oportunidade de pessoas próximas ajudarem.

  

A estimativa é de arrecadar R$ 10 mil. O valor arrecadado até o momento é de R$ 590 e conta com 14 apoiadores. O link para ajuda pode ser acessado por AQUI

 

 

Fonte: Mídia News

Entre no grupo do Paranatinga News no Telegram e receba noticias em tempo real. CLIQUE AQUI

Publicidade Áudio

Enquete

Na sua opinião qual investimento é mais urgente para Paranatinga

CONCLUIR HOSPITAL MUNICIPAL

ASFALTAR BAIRROS

MELHORAR ILUMINAÇÃO

SINALIZAÇÃO DE TRANSITO E RUAS

Anuncios

CURTA NOSSA FAN PAGE

Olá! Utilizamos cookies para oferecer melhor experiência, melhorar o desempenho, analisar como você interage em nosso site e personalizar conteúdo. Ao utilizar este site, você concorda com o uso de cookies.