Paranatinga, 13 de Agosto de 2022

Polícia

BPMTran celebra 12 anos garantindo segurança nas estradas e vias da Região Metropolitana

Publicado 22/03/2022 19:39:57


Batalhão de Polícia Militar de Trânsito Urbano e Rodoviário (BPMTran) celebra, nesta terça-feira (22.03), 12 anos de reativação e atuação no policiamento ostensivo e preventivo no trânsito da Baixada Cuiabana. Atualmente com um efetivo de 102 policiais, o BPMTran também é responsável por outros serviços essenciais, que dão apoio a eventos, como escolta de delegações e autoridades, além de orientações de educação no trânsito para crianças e jovens.

O ano de 2021 foi de grande destaque para o serviço de escolta do BPMTran, por conta de grandes eventos nacionais e internacionais, que ocorreram em Cuiabá. No mês de junho, o Batalhão de Trânsito foi o responsável pela escolta das delegações sul-americanas que participaram da Copa América. Os batedores acompanharam as seleções nos treinos, nas chegadas e saídas da Arena Pantanal. Procedimento realizado o ano todo, durante o Campeonato Brasileiro, com os times da Série A, que enfrentaram o Cuiabá Esporte Clube, e que se repetirá ao longo de 2022.

Além dos eventos esportivos, o serviço dos batedores também é utilizado para escolta de autoridades, como o presidente da República, Jair Bolsonaro, que foi escoltado pelo BPMTran, durante suas visitas por Mato Grosso, e também pelo governador Mauro Mendes. Atualmente, fazem parte do serviço de escolta cerca de 30 policiais militares. Somente em 2022 já foram realizadas mais de 60 ações deste tipo de operação.

 

 

Ação social e educação no trânsito

Nestes 12 anos de reativação, o Batalhão de Trânsito também se preocupa com o social e de educação no trânsito. Atividades interativas com o público costumam ser realizadas rotineiramente, como o evento Ciclístico Pedaltran, que já reuniu mais de 1.500 pessoas em suas três edições, bem como o desafio do Gorro Branco, com intuito de arrecadação de mantimentos e alimentos para as  famílias humildes e necessitadas.

O BPMTran realiza o Projeto Trânsito Kids, para educação de crianças e jovens sobre noções básicas sobre o trânsito, de forma lúdica e dinâmica. A ação começou no ano de 2020, sendo interrompida por conta da pandemia da covid-19. Neste ano, o projeto foi retomado no mês de março, levando o projeto para seis escolas e mais de 1.300 crianças da Região Metropolitana. Além de outras palestras e ações preventivas na frente das escolas e para toda a sociedade, que contam com apoio do Departamento Estadual de Trânsito (Detran), Polícia Rodoviária Federal (PRF) e Secretaria de Mobilidade Urbana de Cuiabá (Semob).

 

 

Produtividade

O BPMTran aumentou em 116% o número de prisões por embriaguez ao volante no ano de 2021.. No ano passado, foram registradas 625 prisões por alcoolemia (Art. 306), quando em 2020 o número foi de 289. A efetividade do Batalhão de Trânsito também resultou no aumento de 94% no número de prisões em flagrante, em comparação ao mesmo período. Ao todo, mais de 70.439 mil veículos foram vistoriados, em todo o Estado, em 2021.

O Batalhão de Trânsito se divide entre as Guarnições de Trânsito Urbano e o policiamento rodoviário, sendo a equipe urbana a responsável por atender as demandas da Baixada Cuiabana. Enquanto o policiamento Rodoviário, conta com a equipe do 1º Pelotão, que tem como área de atuação a rodovia MT-040, e a equipe do 3º Pelotão, que atende as áreas das rodovias MT-251 e MT-010.

Investimentos

O BPMTran tem à disposição o total de 10 viaturas, sendo duas camionetas e oito SUVs Duster, e 12 motocicletas, sendo seis modelos Hornet e seis modelos Transalp. Para o ano de 2022, está previsto o recebimento de novas motocicletas, que segundo o comandante da unidade, tenente-coronel Adão César Rodrigues Silva, serão essenciais para a agilidade do policiamento.

“Estamos recebendo 22 motos para o Batalhão, da marca BMW, de alta cilindrada. Além de motocicletas, também serão adquiridos equipamentos de proteção para o policiamento de trânsito. Com maior estrutura, o desempenho do serviço se tornará de excelência. Na Lei Seca, por exemplo, as motos servirão para identificar motoristas em fuga ou que tentam trocar de condutor antes da blitz. As motos ajudam nesse tipo de fiscalização”, afirma o tenente-coronel César.

Parte das motocicletas serão entregues por meio do programa do Governo de Mato Grosso Mais MT e também por um termo de cooperação do BPMTran em parceria com o Dentran-MT.

Fonte: Assessoria

Entre no grupo do Paranatinga News no Telegram e receba noticias em tempo real. CLIQUE AQUI

Publicidade Áudio

Enquete

Na sua opinião qual investimento é mais urgente para Paranatinga

CONCLUIR HOSPITAL MUNICIPAL

ASFALTAR BAIRROS

MELHORAR ILUMINAÇÃO

SINALIZAÇÃO DE TRANSITO E RUAS

Anuncios

CURTA NOSSA FAN PAGE

Olá! Utilizamos cookies para oferecer melhor experiência, melhorar o desempenho, analisar como você interage em nosso site e personalizar conteúdo. Ao utilizar este site, você concorda com o uso de cookies.