Paranatinga, 15 de Agosto de 2022

Cidades

Casal preso em Cuiabá tem ligação com traficante do RJ que esquartejou ex-namorada

Publicado 09/02/2022 23:04:31


Um casal que foi preso na ‘Operação PC Impacto’, deflagrada pela Polícia Civil nesta terça-feira (8), em Cuiabá, está sendo investigado por suposto envolvimento com um dos traficantes mais procurados do Rio de Janeiro: Dalton Luiz Vieira Santana, vulgo “DT”.

Na residência do casal foram encontrados várias porções de droga, alta quantia em dinheiro em cédulas trocadas, jóias de alto valor, aparelhos celulares sem notas fiscais e vários outros materiais que configuram o crime de tráfico de drogas.   

O casal foi preso em flagrante e está sendo investigado por suposto envolvimento com o traficante Dalton Luiz Vieira Santana, vulgo “DT”, procurado pela Justiça do RJ por torturar e esquartejar a ex-namorada Bianca Lourenço, de 24 anos, por não aceitar o fim do relacionamento. O crime foi praticado no dia 3 de janeiro desse ano, no Complexo da Penha, zona norte do Rio de Janeiro.

Playvolume00:02/01:00Truvid

Leia mais

 

Segundo a Polícia Civil do Rio de Janeiro, o traficante DT ainda é apontado como um dos líderes do tráfico de drogas na favela Kelson's, na Penha, na Zona Norte do estado.   

Os dois detidos já possuem passagens criminais pela Justiça de Mato Grosso, inclusive por tráfico de drogas. As informações entre as polícias Civis dos dois estados estão sendo compartilhadas durante a investigação para auxiliar na elucidação do caso.

Operação PC Impacto

O casal faz parte de uma organização criminosa que está sendo alvo de uma megaoperação que tem como objetivo desmantelar o grupo que comanda o tráfico de drogas em todo o estado de Mato Grosso, desde os chefões aos menores distribiuidores.

A organização cometia ainda outros crimes em benefício do grupo, como roubos, furtos, receptação e outros, mas a principal fonte de renda e enriquecimento da organização era o tráfico de drogas. Os trabalhos da operação ainda estão em fase inicial e devem continuar em execução. 

Ao longo da investigação, foram identificados integrantes do grupo em mais de 20 cidades de Mato Grosso, coletadas dezenas de elementos, como comprovantes de depósitos bancários, apreensões pontuais de drogas que materializavam tudo que estava sendo investigado, não deixando dúvidas sobre a atuação da organização criminosa com o tráfico de drogas e outros crimes conexos.  Um casal que foi preso na ‘Operação PC Impacto’, deflagrada pela Polícia Civil nesta terça-feira (8), em Cuiabá, está sendo investigado por suposto envolvimento com um dos traficantes mais procurados do Rio de Janeiro: Dalton Luiz Vieira Santana, vulgo “DT”.

 

Na residência do casal foram encontrados várias porções de droga, alta quantia em dinheiro em cédulas trocadas, jóias de alto valor, aparelhos celulares sem notas fiscais e vários outros materiais que configuram o crime de tráfico de drogas.   

 

O casal foi preso em flagrante e está sendo investigado por suposto envolvimento com o traficante Dalton Luiz Vieira Santana, vulgo “DT”, procurado pela Justiça do RJ por torturar e esquartejar a ex-namorada Bianca Lourenço, de 24 anos, por não aceitar o fim do relacionamento. O crime foi praticado no dia 3 de janeiro desse ano, no Complexo da Penha, zona norte do Rio de Janeiro.

 

Playvolume00:02/01:00Truvid

 

Leia mais

 

Segundo a Polícia Civil do Rio de Janeiro, o traficante DT ainda é apontado como um dos líderes do tráfico de drogas na favela Kelson's, na Penha, na Zona Norte do estado.   

 

Os dois detidos já possuem passagens criminais pela Justiça de Mato Grosso, inclusive por tráfico de drogas. As informações entre as polícias Civis dos dois estados estão sendo compartilhadas durante a investigação para auxiliar na elucidação do caso.

 

Operação PC Impacto

 

O casal faz parte de uma organização criminosa que está sendo alvo de uma megaoperação que tem como objetivo desmantelar o grupo que comanda o tráfico de drogas em todo o estado de Mato Grosso, desde os chefões aos menores distribiuidores.

 

A organização cometia ainda outros crimes em benefício do grupo, como roubos, furtos, receptação e outros, mas a principal fonte de renda e enriquecimento da organização era o tráfico de drogas. Os trabalhos da operação ainda estão em fase inicial e devem continuar em execução. 

 

Ao longo da investigação, foram identificados integrantes do grupo em mais de 20 cidades de Mato Grosso, coletadas dezenas de elementos, como comprovantes de depósitos bancários, apreensões pontuais de drogas que materializavam tudo que estava sendo investigado, não deixando dúvidas sobre a atuação da organização criminosa com o tráfico de drogas e outros crimes conexos.  

 

 

Fonte: Mídia News

Entre no grupo do Paranatinga News no Telegram e receba noticias em tempo real. CLIQUE AQUI

Publicidade Áudio

Enquete

Na sua opinião qual investimento é mais urgente para Paranatinga

CONCLUIR HOSPITAL MUNICIPAL

ASFALTAR BAIRROS

MELHORAR ILUMINAÇÃO

SINALIZAÇÃO DE TRANSITO E RUAS

Anuncios

CURTA NOSSA FAN PAGE

Olá! Utilizamos cookies para oferecer melhor experiência, melhorar o desempenho, analisar como você interage em nosso site e personalizar conteúdo. Ao utilizar este site, você concorda com o uso de cookies.