Paranatinga, 19 de Fevereiro de 2020

Política

CPI DO PALETÓ

Vereador quer ouvir Emanuel e diz que vídeo "constrange" Cuiabá

Publicado 22/01/2020 10:59:13


DOUGLAS TRIELLI
DA REDAÇÃO

 

O presidente da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) do paletó, vereador Marcelo Bussiki (PSB), afirmou que vai convocar o prefeito Emanuel Pinheiro (MDB) para prestar depoimento assim que as investigações forem retomadas.

 

Na última semana, a desembargadora Helena Maria Bezerra Ramos, do Tribunal de Justiça, determinou a retomada dos trabalhos da comissão, que investiga eventual quebra de decoro do prefeito, que aparece colocando dinheiro nos bolsos, em um vídeo anexado à delação do ex-governador Silval Barbosa.

 

De acordo com Bussiki, Emanuel precisa explicar o episódio, que, em sua opinião, constrange a cidade.

 

 

Ele já é conhecido como o prefeito do paletó. E isso constrange a cidade, diminui a autoestima da cidade. Isso precisa ser apurado

“O vídeo em si já é bem comprometedor. Precisamos ouvir a parte dele. Inicialmente, disse que era dinheiro de pesquisa. Mas precisamos entender melhor. Precisamos dar esse contraditório. É uma situação constrangedora. O ex-governador disse que era uma fila indiana. E todos com o mesmo procedimento. Era uma situação constrangedora e forte. Ele precisa trazer fatos concretos para mudar o que está no vídeo”, disse o vereador, referindo-se a eventual pagamento de "mensalinho", como disse Silval.

 

“Ele já é conhecido como o prefeito do paletó. E isso constrange a cidade, diminui a autoestima da cidade. Isso precisa ser apurado”, acrescentou.

 

Assim que a comissão retornar, devem ser analisadas as datas para convocação de Silval Barbosa, do ex-chefe de seu gabinete, Silvio Correa, do responsável por instalar as câmeras que flagraram Emanuel, Valdecir Cardoso de Almeida.

 

Além disso, a CPI pode convocar o ex-presidente da Assembleia Legislativa, José Riva e o irmão de Emanuel, o empresário Marco Polo Pinheiro.

 

 “A CPI, com essa decisão, tem um prazo de 120 dias, podendo ser prorrogada. Vamos, de forma célere, fazer a apuração, atender os dois objetos da CPI, apurar os fatos para dar uma resposta logo à sociedade, porque o prefeito não deu uma resposta a esses fatos”, afirmou.

 

Ano eleitoral e base governista

 

Bussiki disse acreditar que o fato de 2020 ser um ano eleitoral não irá atrapalhar o andamento das investigações. Ele disse que irá acelerar os trabalhos assim que forem retomados.

 

“Nossa busca vai ser uma maior celeridade possível. Independente de ser ano eleitoral, essa CPI já estava proposta antes. Não é uma situação que foi criada em ano eleitoral para implicar no debate da eleição. Já ocorreu no passado e no decorrer dessa disputa judicial acabamos chegando ao ano eleitoral”, disse.

 

Victor Ostetti/MidiaNews

 

Marcelo Bussiki: “Precisamos de uma resposta a toda essa situação que mancha a cidade de Cuiabá"

“Mas, independente de ano eleitoral, os vereadores têm mandato até 2020. Vamos apurar, independente de ano eleitoral. E vamos fazer isso da forma mais célere possível, investigar os fatos que estão ali na CPI”, afirmou.

 

Questionado sobre a possibilidade de um relatório que seja desfavorável a Emanuel ser rejeitado pelos vereadores, já que o prefeito tem ampla maioria de apoio no Legislativo, Bussiki pediu que os colegas deem um voto técnico, baseado no que for apontado nas investigações.

 

Entretanto, se disse preocupado com essa possibilidade.

 

“Essa situação nos preocupa. Mas de forma transparente e célere, faremos essa investigação. Todos os vereadores estão acompanhando, a sociedade está acompanhando e vai cobrar o posicionamento de cada um”, disse.

 

“Precisamos de uma resposta a toda essa situação que mancha a cidade de Cuiabá. Esperamos que os vereadores possam votar com o que estiver nos autos. A gente sabe que tem toda essa movimentação política, mas sabemos que a sociedade está acompanhando e vai acompanhar o passo de cada um nesse andamento de CPI. Por mais que seja base ou oposição, que vote baseado na apuração dos fatos, não em posição política”, completou.

 

 

Fonte: midianews

Publicidade Áudio

Enquete

Na sua opinião qual investimento é mais urgente para Paranatinga

CONCLUIR HOSPITAL MUNICIPAL

ASFALTAR BAIRROS

MELHORAR ILUMINAÇÃO

SINALIZAÇÃO DE TRANSITO E RUAS

Anuncios

CURTA NOSSA FAN PAGE