Paranatinga, 15 de Abril de 2021

Paranatinga

1.500 máscaras

Funcionárias de PSF de Paranatinga produzem mais de 1.500 máscaras para comunidades carente

Publicado 11/05/2020 12:49:38


Paranatinga News 

 

Mesmo sem nenhum caso da Covid-19, Paranatinga (a 337 km de Cuiabá), cuja população é de 22.566 habitantes, segundo dados do IBGE/2019, vem adotando uma série de medidas protetivas, entre elas o uso de máscaras, como preconiza a Organização Mundial da Saúde (OMS).

 

Além disso, ações solidárias e boas práticas vêm acontecendo no município que integra o programa Cidade Empreendedora e Sustentável, desenvolvido em parceria com o Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas em Mato Grosso (Sebrae MT).

 

Funcionárias do PSF (Programa de Saúde da Família) do bairro Vista Alegre estão confeccionando máscaras para distribuir gratuitamente às populações carentes. Já fizeram mais de 1.500 unidades. A agente comunitária de saúde, Maria Elizabete Barbosa, relembra que no começo da pandemia e da quarentena em Mato Grosso, quando surgiu o primeiro caso em Rondonópolis e houve uma suspeita no município de Paranatinga, elas começaram a fazer as máscaras para os próprios funcionários. “Uma técnica de enfermagem que costura, levou a máquina dela para o posto e a gente começou a fazer, só para os funcionários mesmo, até porque não tinha para comprar”.

 

Com a pandemia e como todos têm que usar máscara, elas compraram tecidos e começaram a fazer as máscaras para doar a pessoas carentes, que não tem condições de comprar. A notícia se espalhou e muitas pessoas procuraram a unidade querendo máscaras. “É tudo bem simples, as pessoas doam o tecido e a gente faz as máscaras, uma pequena (duas ou três unidades) parte fica para quem doou o tecido e o restante vai para doação”.

 

Maria Elizabete Barbosa acrescenta que no entorno da unidade do PFS Vista Alegre tem uma população bem carente que mora das Cohab Jaime Dias, Tereza Dalla Nora, Colina Verde, Vida Nova e que precisa desse suporte.

 

Com o crescimento da demanda, elas pegaram outras máquinas de costura, aumentaram a produção e continuam a fazer as máscaras. O trabalho fica por conta das funcionárias do grupo de risco, que são a maioria da equipe, e não estão podendo fazer o atendimento.

 

Fonte: portalparanatinga

Publicidade Áudio

Enquete

Na sua opinião qual investimento é mais urgente para Paranatinga

CONCLUIR HOSPITAL MUNICIPAL

ASFALTAR BAIRROS

MELHORAR ILUMINAÇÃO

SINALIZAÇÃO DE TRANSITO E RUAS

Anuncios

CURTA NOSSA FAN PAGE